Autocuidado - Checklist


Primeiro, é importante ter em mente que não existe um modo “certo” de praticar o autocuidado.
Como o nome indica, ele é altamente pessoal e deve condizer com o que você acredita, com a forma como deseja levar sua vida.



Qualquer atividade que atividades que envolvam cuidar do nosso bem-estar emocional, mental e físico, estão totalmente englobados no termo autocuidado, não importando quão pequenas (ou grandes) elas possam ser.

Para algumas, o autocuidado pode estar num dia cheio de compromissos de beleza; para outras, isso pode significar simplesmente desligar as notificações do telefone e rever a Friends pela milionésima vez.

Então, quando você começar a criar uma rotina de autocuidado, há algumas coisas que precisam ser levadas em conta. Por isso, não pense em um checklist como uma lista de tarefas, mas como um guia para ajudá-la a cuidar melhor de si mesma.

E aí, pronta para algumas considerações para elaborar sua rotina de autocuidado? Aqui estão algumas dicas úteis para criar algo que realmente funciona!

1. CONSIDERE O SEU TEMPO


Todo mundo tem 24h no dia. Descobrir uma alocação ideal e realista para a divisão de seu tempo é uma ótima foma de começar. Isso permite que tenhamos controle sobre ele e não o contrário.

Divida seu dia e sua semana de maneira realista - esse é o momento que teremos para nossa saúde, vida social e autocuidado geral.

Não se trata de um cronograma rígido, podemos atualizá-lo e modificá-lo conforme a nossa  vida muda. O importante é não negligenciar.

2. SEJA REALISTA COM SUA ROTINA


Definir metas irrealistas é fórmula certa para a autossabotagem. Em vez de ir de um total de zero horas meditando para 5 horas por semana não é uma boa ideia. Estabeleça objetivos e tarefas menores no início e reavalie-os regularmente à medida que sua prática se aprofunda. 

Como você vai criar mais tempo no seu dia? Seja substituindo 30 minutos de tempo de mídia social antes de ir para a cama com meditação ou transferindo o treino da academia para uma corrida ao ar livre, a fim de passar mais tempo na natureza, é importante ser realista sobre como você vai ganhar tempo para uma mudança.

3. COMECE COM O BÁSICO


Com o autocuidado pode ser tentador com ir por caminhos complexos, mas cuidar de nós mesmas é bem mais simples do que parece. Perguntas como "estou descansando e me alimentando o suficiente?" "Eu preciso realmente disso?" já é uma boa forma de começar.

A partir daí, olhe para todas áreas da sua vida que possam precisar de mais atenção - relacionamentos, criatividade, diversão. Depois de identificar as áreas que precisam de mais autocuidado, faça uma lista simples com foco em nutrir cada uma delas.

4. CONFIRA COMO TUDO ESTÁ CAMINHANDO


Dependendo do seu tipo de pessoa, poderá querer verificar o andamento das suas atividades a cada minuto ou esporadicamente a cada dia, isso não importa muito. O importante é que uma vez por semana você veja o que vai bem e o que precisa ser reavaliado.

Não se preocupe se falhar. Lembre-se que está em processo de mudança e não se cobre tanto. Lembre que só o fato de escrever já te ajuda psicologicamente a progredir.

Embora o autocuidado às vezes te faça parecer egoísta, não se culpe. Tirar um momento para você é fundamental!

Quando cuidamos de nós mesmas nos sentimos melhor e isso pode nos ajudar a cuidar melhor de nós mesmas e de outras pessoas importantes em sua vida também.

Basicamente, essa é a versão de colocar nossa máscara de oxigênio em primeiro lugar.

Fase da Lua hoje: Cheia 🌕



Follow 💜@SeresLunares 
Todos os Direitos Reservados.



Nenhum comentário:

Postar um comentário